Arquivo da categoria: De Frida Kahlo à Pinterest

O cotidiano pelo olhar de Vin Ganapathy

Por Alita.

Vin Ganapathy mora em Nova York e utiliza múltiplas influências em suas imagens e trabalhos. Utilizando caneta, lápis e tinta, as ilustrações de Vin, como o próprio artista define em seu blog, “são marcadas por trabalhos finos, quase frágeis e rajadas repentinas de cores”. O resultado são imagens impressionantes e que evocam inúmeros sentimentos. Vin ilustra cenas quotidianas a partir de um olhar que parece buscar o lado mais tristes, cru, das pessoas. Melhor dizendo, Ganapathy parece se interessar em retratar pessoas ora desprovidas de suas performances, ou seja, como elas são profundamente, quando ninguém está olhando, naqueles milésimos de segundos que deixam de lado suas máscaras sociais e viajam em seus pensamentos, ora justamente em suas performances teatrais, mas a partir de um olhar de fora, que retira a excentricidade da teatralidade moderna e deixa tudo humano. Sua inspiração é o que o rodeia.

Sua inspiração é o que o rodeia, além de Nova-York e seus cenários e pessoas, celebridades, políticos, cinema, também entram no radar do artista.

Tudo se mistura e se transforma em desenhos estranhamente verdadeiros.

Para ver mais acesse http://vinganapathy.com/

Anúncios

As mais incríveis imagens finalistas do Grand Prix de la Découverte

Por Alessandra Verch

Quer ver imagens incríveis? Pois, o International Fine Art Photography Competition (Grand Prix de la Découverte) anunciou essa semana os seus vencedores, dentre 2.013 fotografias maravilhosas. A cada ano, o concurso convida os fotógrafos emergentes de todo o mundo para participar da competição. Este ano, o concurso recebeu mais de 5.000 inscrições de 82 países! Sete vencedores do prêmio foram selecionados em categorias como Abstract/Cityscape/Architecture and Landscape/Seascape/Nature.

Meredith Mullins, diretora e co-fundadora do programa, declarou que as imagens criativas e as fotografias de arte tem forte impacto e são capazes de evocar algumas respostas. “É disso que se trata essa competição e tornou-se uma das mais conceituadas de sua espécie. As 2.013 submissões – e excepcionais vencedores – provam que a fotografia de arte está viva e bem. . . e com força muito poderosa”, disse Mullins.

Dá uma conferida nas fotos mais interessantes que passaram por lá:

ABSTRACT

Lampscape, Petra Nass, França.
Lampscape, Petra Nass, França.
Menção Honorária - Hesitation, Samuel Feron, França.
Menção Honorária – Hesitation, Samuel Feron, França.

CITYSCAPE/ARCHITECTURE

1st Place - Multiexpo2, Frank Machalowski, Alemanha.
1st Place – Multiexpo2, Frank Machalowski, Alemanha.
La Piscine, Nils Devernois, França.
La Piscine, Nils Devernois, França.
Bird for the Cage, Peter Erickson, Austrália.
Bird for the Cage, Peter Erickson, Austrália.

EXPERIMENTAL

Flawless Love - Coffee and Globalization, Sim Chang, Taiwan.
Flawless Love – Coffee and Globalization, Sim Chang, Taiwan.
3rd Place - Ophelia, Renée Munn, Canadá.
3rd Place – Ophelia, Renée Munn, Canadá.
Mind The Cloud, Juliana Manara, UK
Mind The Cloud, Juliana Manara, UK
Travelers, Mario Rossi, Italia.
Travelers, Mario Rossi, Italia.
Honorable Mention - Running With the Fairies, Külli Sparre, Estônia.
Honorable Mention – Running With the Fairies, Külli Sparre, Estônia.

LANDSCAPE/SEASCAPE/NATURE

1st Place - A Man Feeding Swans in the Snow, Marcin Ryczek, Polônia.
1st Place – A Man Feeding Swans in the Snow, Marcin Ryczek, Polônia.
3rd Place - Egret, Dennis Ramos, USA.
3rd Place – Egret, Dennis Ramos, USA.
Behind A Little House, Manuel Cosentino, Italia.
Behind A Little House, Manuel Cosentino, Italia.

PEOPLE/PORTRAITS

1st Place -  No Title, from Family Ties, Maria Garcia, Peru.
1st Place – No Title, from Family Ties, Maria Garcia, Peru.
3rd Place - Jasmine's Odyssey, from the series, Immersed in Living Water, Wendy Sacks, USA.
3rd Place – Jasmine’s Odyssey, from the series, Immersed in Living Water, Wendy Sacks, USA.

STILL LIFE STREET

1st Place - Globe de Mariée-2, Carole Suety, UK.
1st Place – Globe de Mariée-2, Carole Suety, UK.

PHOTOGRAPHY/DOCUMENTARY

1st Place -  Bather 5, from series Bathers, Ukraine - IZOLYATSIA, Richard Ansett, UK
1st Place – Bather 5, from series Bathers, Ukraine – IZOLYATSIA, Richard Ansett, UK
Red Kushti, An Old Fight, Salvatore Di Gregorio, UK.
Red Kushti, An Old Fight, Salvatore Di Gregorio, UK.
3rd Place - Soar, Souvid Datta, UK.
3rd Place – Soar, Souvid Datta, UK.

As caricaturas de celebridades de Alexander Novoseltsev

Por Alessandra Verch.

Alexander Novoseltsev é um talentoso ilustrador e artista conceitual russo. Em seu trabalho ele mescla diversos estilos que são perceptíveis em suas criações que vão desde “arte tradicional” até modernas ilustrações digitais. Mas foi com as hilárias caricaturas de celebridades que Novoseltsev ganhou popularidade. Dá uma olhada nesse trabalho sensacional:

Keith Richards, integrante da banda Rolling Stones
Keith Richards
Cantora Nina Simone
Nina Simone
Tenista Serena Williams
Serena Williams
Charlie Chaplin como Carlitos
Charlie Chaplin como Carlitos
Danny DeVito
Danny DeVito
Banda Kiss
Banda Kiss
Matt Damon
Matt Damon
Artista Frida Khalo
Frida Kahlo
Harrison Ford
Harrison Ford
Humphrey Bogart e Audrey Hepburn
Humphrey Bogart e Audrey Hepburn
James Earl Jones em Um príncipe em Nova York
James Earl Jones em Um príncipe em Nova York
Liam Gallagher
Liam Gallagher
Miles Davis
Miles Davis
Quentin Tarantino
Quentin Tarantino
Robert Pattinson
Robert Pattinson
Rick Grimes na série 'The Walking Dead'
Rick Grimes na série ‘The Walking Dead’
Sean Penn
Sean Penn
Rihanna
Rihanna

Para ver mais trabalhos de Novoseltsev clique aqui.

 

As lições de marketing nas capas de DVD’s piratas chineses

Por Alessandra Verch.

Capas de DVD’s piratas são quase sempre uma incógnita, mas na China elas conseguem extrapolar o limite do surreal e beiram o escracho. Sério.

Imagina o cidadão interessado em um filme cheio de tiros, com homens armados até os dentes, músculos, explosões e muita testosterona, então o vendedor apresenta a melhor opção. O cidadão olha a capa e diz: “É ESSE!”. Mas quando chega em casa…

drive

Poxa, empatia, se coloca no lugar. Você resistiria a um dvdzinho do Star Wars protagonizado por nada menos que Arnold Schwarzenegger? Compraria na hora, não é… Até porque Guerra (e nas estrelas) + Arnoldão ninguém resiste. Isso não se faz.

starwarsDá uma olhada em outras pérolas da pirataria chinesa:

snakesonaplane ferrisbueller encontrosdesencontros durodemataretomcruise

A crítica ácida na obra de Pawła Kuczyńskiego

Por Alessandra Verch.

Pawła Kuczyńskiego é um artista polonês que vem se popularizando nas redes sociais, mas muito pouco se sabe sobre ele. Seu perfil do Facebook não possui informações, mas é através dele que é disponibilizado seu maravilhoso trabalho. O trabalho de Kuczyńskiego satiriza tanto comportamentos individuais problemáticos quanto  instituições e organizações, como o Exército, ou mesmo, o Estado (como os EUA na ilustração da Casa Branca). Porém seu olhar parece mesmo privilegiar a sátira de práticas individuais, contestando e ridicularizando o indivíduo (ou cidadão) enquanto produtor, ou ao menos sustentador apático, de desigualdades, injustiças, violências e imoralidades.

Suas obras inspiram diversos pensamentos e, não raro, dão socos nos estômagos dos apreciadores. Misturando diversos ícones, as obras podem tematizar sobre a escravidão, a ambição, o consumismo, a política, entre outros temas. Sempre de forma crítica e ácida, parece impossível manter-se a margem de sua crítica. Somos jogados para dentro de suas ilustrações e nos vemos retratados nela.

Confira algumas obras:

Redes sociais contra instituições sociais

Conhecendo o nosso consumo e as consequências de nossas escolhas

Sátira da destruição provocada pelo homem

A ironia na representação dos interesses humanos

Quem são as vítimas? Quem são os culpados? De uma forma ou de outra, somos todos responsáveis

O que sustenta o poder?

A crueldade das ações humanas

Qual o sentido da Guerra? A paz é possível?

Necessidade desnecessárias, objetos inúteis e a apatia humana.

O que nos alimenta?

Por que ele não pula o muro? Precisamos pegar nossso quinhão de responsabilidade na desgraça da humanidade