Reforma trabalhista, papo chato?

Por Alita.

Talvez ainda não tenham entendido o “X” da questão. Não se trata de uma Reforma Trabalhista, nem tampouco do fim de alguns direitos trabalhistas.

Reforma é quando o Estado reformula seus mecanismos institucionais e jurídicos para dar conta de se adaptar às mudanças históricas, em consonância com os anseios sociais.

O que a Lei aprovou é que a Lei não vale mais nada. Quando o acordado vale sobre o legislado, não temos uma Reforma. Temos uma Despejo. Ficamos sem casa.

O Estado, assim como Pôncio Pilatos, lavou as mãos. O Estado não será mais o mediador entre desiguais, impedindo que suas desigualdades se traduzam em injustiça. Será mero observador do duelo entre leões famintos e crentes em Jesus.

Não é o fim de alguns direitos trabalhistas. É o fim do próprio conceito de direitos no âmbito do trabalho.

Mas bora festejar.
Lula foi condenado.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s